Pesquisar
Close this search box.

Ceará é o sexto estado com maior número de inscrições no Sisu 2024

Das mais de 147 mil inscrições que o estado recebeu, 12.942 candidatos foram aprovados.
Educação

Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp

Foto: Freepik

O Ceará conquistou a sexta posição no ranking dos estados mais procurados pelos estudantes que se inscreveram no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) em 2024, buscando uma vaga nas instituições federais de ensino superior. Com um total de 147.458 inscrições, onde cada candidato teve a oportunidade de escolher até duas opções de curso dentre as 13.478 vagas disponíveis, o estado se destacou no processo seletivo deste ano, com 12.942 inscritos aprovados.

A edição de 2024 do Sisu atraiu 1.271.301 candidatos, concorrendo a um total de 264.181 vagas. O Ministério da Educação (MEC) registrou a aprovação de 239.872 participantes, sendo 102.005 na modalidade de ampla concorrência e 137.867 através das cotas e ações afirmativas das instituições, resultando em uma média de 9,19 candidatos por vaga.

Destacando o perfil dos aprovados, a faixa etária mais representada foi a de 19 a 20 anos, com 26.958 estudantes aprovados, seguida pelos menores de 18 anos, com 13.104 aprovados, e candidatos entre 21 e 25 anos, totalizando 12.860 aprovados.

Com as atualizações na Lei de Cotas em 2024, todos os inscritos foram inicialmente avaliados pela modalidade de ampla concorrência, seguida pela reserva de vagas das políticas de cotas e ações afirmativas. Dentre os aprovados, a maioria se autodeclarou parda, seguida por brancos, pretos, amarelos e indígenas, além de candidatos quilombolas, com destaque para a categoria “Lei Independente de Renda – Pretos, Pardos e Indígenas (LI-PPI)”, que teve o maior número de aprovados.

Quanto aos cursos, Pedagogia liderou a lista com 9.355 aprovados, seguido por Administração, Direito e Ciências Biológicas. Medicina foi o curso mais procurado, com 298.316 inscrições para 5.733 vagas, seguido por Direito e Administração.

Os selecionados na chamada regular do Sisu têm até 7 de fevereiro para realizar a matrícula, enquanto os não selecionados podem manifestar interesse na lista de espera até a mesma data, garantindo uma chance adicional de ingresso ao longo do ano, conforme os procedimentos definidos por cada instituição participante.