Pesquisar
Close this search box.

Executivos da Ambiental Ceará e Aegea visitam a FIEC

Os visitantes conheceram as potencialidades do Hub do Hidrogênio no Ceará e o Observatório da Indústria

Compartilhar

Facebook
Twitter
WhatsApp

O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), Ricardo Cavalcante, recebeu, nesta sexta-feira (28), um grupo de executivos da Ambiental Ceará e da Aegea, na Casa da Indústria.

Durante o primeiro momento do encontro,  Ricardo Cavalcante apresentou as oportunidades do Hub do Hidrogênio Verde cearense aos convidados. Em seguida, a comitiva conheceu o Observatório da Indústria.

Fotos: Ascom/FIEC

Participaram do encontro, o diretor da Aegea, Rafael Rossi; a especialista em processos da Ambiental Ceará, Adriana Cardoso; o consultor de Energia da Ambiental Ceará, Renato Rolim; o diretor de Inovação e Parcerias Estratégicas da Aegea, Maurício Endo; e a diretora de Relações Institucionais da Ambiental Ceará, Águeda Muniz.

Em palestra aos visitabtes, o diretor de Inovação e Tecnologia da FIEC, líder do Observatório da Indústria e presidente do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico no Estado do Ceará (SIMEC), Sampaio Filho, enalteceu os benefícios trazidos pela plataforma digital. O Observatório tem, hoje, cerca de 4 trilhões de dados de diversos segmentos da economia brasileira.

“A gente vem sempre desenvolvendo os serviços do Observatório para que as empresas possam fazer as consultas, conforme orientação do Presidente da FIEC, Ricardo Cavalcante. Nós não podemos fugir de divulgar as informações, sendo utilizadas como inteligência, para a tomada de decisões assertivas. Estamos sempre pensando no desenvolvimento do nosso Estado, principalmente o desenvolvimento das nossas indústrias”, disse Sampaio.

Para o diretor de Inovação e Parcerias Estratégicas da Aegea, Maurício Endo, o Observatório da Indústria traz, acima de tudo, oportunidades.

“Foi uma experiência muito interessante. Não imaginávamos que poderíamos encontrar um centro de excelência, como este. Os resultados obtidos são fantásticos. Não conheço um trabalho igual em nenhuma outra Federação do país. É um trabalho de muita qualidade e, com certeza, vai acrescentar muito na indústria e no Estado como um todo”, concluiu.